BibliotecaEventosNotícias da AgeFlorNotícias do Mercado
03/08/2018
Por AGEFLOR
Compartilhar esta notícia
21ª Construsul reforça confiança no potencial do setor

construsul_abertura__216_

21ª Construsul – Feira Internacional da Construção abriu as portas no dia 1º de agosto, no Centro de Exposições da Fiergs, em Porto Alegre (RS) com cerca de 300 expositores. A edição reforça o foco em negócios e conhecimento, com expectativa de atrair 40 mil profissionais dos setores de construção civil e arquitetura nos quatro dias de evento.

– A Construsul chega a sua 21ª edição cumprindo muito bem o papel de reunir a cadeia produtiva, abrangendo os setores da construção, acabamentos e infraestrutura. Mesmo durante difíceis períodos econômicos, a feira se manteve firme em seu propósito de apresentar inovações e tecnologias integrando a cadeia da construção civil e criando um ambiente de network dos profissionais da área – ressalta o presidente Sindicato da Indústria da Construção Civil (Sinduscon) de Caxias do Sul, Oliver Chies Viezzer.

A solenidade de abertura do evento contou com a presença de representantes de entidade do setor da construção civil, que também apostam no potencial da feira para a retomada da economia.  Para o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Rio Grande do Sul (CREA-RS), o mercado apresentou reação no último ano, o que contribui para uma perspectiva otimista. O vice-presidente da entidade, Astor José Grüner, destacou a participação de diversos setores que a construção civil contempla, apostando na feira como um grande incentivador da economia no Rio Grande do Sul.

O retorno da Construsul para Porto Alegre foi outro aspecto destacado pelas autoridades municipais e estaduais que estiveram presentes no primeiro dia. O presidente da Fiergs, José Petry, afirmou que nas sucessivas edições realizadas na capital gaúcha, o evento se consolidou como uma das maiores feiras setoriais do país.

– A presente edição traz ao público um conjunto de inovações em materiais, produtos e serviços que antecipam o futuro da cadeia produtiva. Estamos felizes em poder hospedar mais uma vez a Construsul e os novos negócios que ela vai gerar – comentou Petry.

Os secretários de turismo municipal e estadual, Leandro de Lemos e Victor Hugo Alves da Silva, respectivamente, destacaram a vocação de Porto Alegre em receber eventos que, consequentemente, movimentam a economia local e regional. Para eles, o retorno da Construsul, um evento consolidado, que envolve um setor protagonista na dinâmica da economia, também pode impulsionar a volta de grandes eventos.

O presidente da Câmara de Vereadores de Porto Alegre, Valter Nagelstein, valorizou o papel da construção civil no nosso contexto econômico.

– É a cadeia produtiva mais democrática, que emprega desde o servente ao escritório de arquitetura. A Construsul se consolida cada vez mais como grande feira, importante para a cidade – declarou.

Representando o governador José Ivo Sartori, a secretária estadual de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia, Susana Kakuta destacou a nova configuração demográfica do Rio Grande do Sul, que vai exigir planejamento de infraestrutura para uma população mais longeva.

– É um grande desafio de desenvolvimento. A inovação vai ser uma pauta constante e a realização dessa feira hoje é simbólica e extremamente importante, pois toca uma das grandes frentes de mobilização econômica do país. Quando conseguimos mexer no setor da construção civil significa que o país começou a andar – comentou Susana.

O primeiro dia do evento contou, ainda, com quatro eventos paralelos. O Sinduscon-NH realizou o 6º Seminário de Tecnologia e Inovação da Construção Civil, cujo tema central foi “O futuro da Construção Civil”.  Além disso, ocorreram as palestras “Guindastes de torre (gruas): Aplicação e produtividade” organizada pela Liebherr; “Elaboração de contratos: tudo o que você precisa saber para estar seguro”, promovida pelo CAU/RS e a “Engenharia e a Indústria 4.0” realizada pelo SERGS.

21ª Construsul ocorre até sábado (04/08), no Centro de Eventos da Fiergs, em Porto Alegre. O horário de funcionamento durante a semana é das 14h às 21h e no final de semana, das 11h às 18h. A feira conta com cerca de 300 expositores e tem como expectativa receber mais de 40 mil visitantes.

 

 
Voltar